Gravidez mês a mês - oitavo mês

Gravidez mês a mês - oitavo mês

O oitavo mês de gravidez compreende a 29ª semana até a 32ª semana de gestação.

Já estamos quase no fim da gestação e a ansiedade em relação ao parto e também com os preparativos finais da gestação estão deixando os papais nervosos.

O bebê se desenvolve cada vez mais e logo mais estará pronto para conhecer o mundo e as pessoas que lhe amarão incodicionalmente.

DESENVOLVIMENTO DO BEBÊ

Até o fim do oitavo mês, o feto terá o tamanho semelhante a uma folha de couve, com cerca de 42cm no total, do topo da cabeça até o calcanhar e pesando algo em torno de 1,7kg.
 



Os pezinhos do bebê já estão com unhas e a íris dos olhos tem um tom azulado. A cor dos olhos só será definida quando o bebê completar um ano de vida, então pode ser que seu bebê nasça com olho azul, mas nada garante que será assim para sempre.

Os órgãos genitais estão a se formar. Se for menino, os testículos estão descendo do abdome para o saco escrotal. 


 
O bebê já reconhece as vozes do papai e da mamãe e se mexer na barriga ou pressioná-la, ele responderá de volta. Continue conversando bastante com ele.
Ele já está de cabeça para baixo, na posição para sair e desbravar esse mundão.

COMO ESTÁ O CORPO DA MAMÃE

Com o aumento de peso e crescimento da barriga, o umbigo muda de lugar e altera o centro gravitacional da mulher, fazendo com que ela perca o equilíbrio mais facilmente e esbarre em tudo o que estiver no seu caminho.



A mamãe se sentirá mais cansada e com mais vontade de ir ao banheiro.
 
Ela sentirá mais constantemente as contrações de Braxton Hicks, que são as contrações preparando a mulher para o parto e sua respiração ficará mais difícil, pois o bebê está alojado próximo aos pulmões.

E como o bebê só cresce e parece que sua barriga é pequena demais para ele, ele irá se mexer bastante e você poderá sentir e ver os seus movimentos através da barriga.

A quantidade de sangue que circula em você aumentou cerca de 40%, para compensar alguma perda de sangue que possa vir a ter no parto. Por conta disso, podem ocorrer sangramentos no nariz e gengivas.

EXAMES ESPECÍFICOS

Existem alguns médicos que pedem para fazer a ecocardiografia fetal, para saber como está o desenvolvimento do coração do bebê, outros já não pedem, pedem somente quando há alguma chance de anomalia genética. Converse com seu médico.

Se a gestação é de alto risco, será solicitado, depois da 28ª semana, o perfil biofísico fetal, que avalia os movimentos respiratórios e dos membros, tônus muscular, freqüência cardíaca e volume de líquido amniótico.

O ultrassom morfológico de terceiro semestre será solicitado entre a 28ª e 32ª semana. É um exame que avalia todas as estruturas, como cabeça, pescoço, coluna, tórax, abdome e membros, além do líquido amniótico, placenta e cordão umbilical.

Com relação às vacinas, você deverá tomar algumas como a da gripe, tríplice bacteriana e hepatite B, mas sempre converse com seu médico antes para saber quais tomar.
 


A vacina da gripe deve ser tomada em qualquer mês da gravidez. A tríplice bacteriana, que protege contra a coqueluche, difteria e tétano deve ser tomada entre a 27ª e 36ª semana e a de hepatite B deve ser administrada em 3 doses, de preferência no segundo trimestre de gestação. 

CUIDADOS ESPECÍFICOS

Descanse bastante, mesmo com a ansiedade constante, já que está no fim da gravidez.

Como o bebê se mexe bastante nesse estágio, se perceber que ele está se mexendo muito pouco, deite-se e coma algo doce ou gelado. Se passada algumas horas perceber que ele não se mexeu, converse com seu médico. É quase garantido que não é nada, mas melhor verificar.

Sua coluna e lombar devem estar sofrendo bastante com o novo peso adquirido, então tente fazer alongamentos, mas sempre com o consentimento do seu médico. 


 
Além dessas dores, poderá sentir também dores na virilha, no quadril ou no osso púbico, o que é normal.

DICAS DE ALIMENTAÇÃO

Continua a se alimentar de forma saudável e sem exageros com doces e frituras.

Ingira alimentos que lhe dê mais disposição e energia, como é o caso dos pães integrais, arroz feijão e frutas como o kiwi, banana com aveia e frutas com granola. Não se esqueça dos alimentos ricos em vitamina K, importantes para a hora do parto, como o repolho, espinafre, brócolis, alface, pepino, maçã e por aí vai.


 
Você deverá engordar meio quilo por semana, que é o normal para essa fase da gravidez.

Continue aproveitando a reta final da sua gestação, com calma e serenidade, pois logo, logo você poderá ter seu bebê nos braços!!!


 

Compartilhe essa página

Deixe seu comentário

Preencha o campo abaixo com seu e-mail para receber uma nova senha
Enviar
Para alterar seu e-mail, preencha corretamente os campos abaixo e clique em enviar
Enviar
X
Agradecemos a sua compra: